Arquivo do blog

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Seguir em frente ...




Continuo Agradecendo , e continuo a Olhar para esta estrada da Vida com Esperança , com ideias de futuro e com a noção clara de que todos os momentos e todos os instantes são de uma preciosidade única , sem volta e sem qualquer processo de repetição , por isso faço as minhas pausas , procedo às minhas Reflexões , dando conta das coisas Boas que me rodeiam , e das Pessoas Importantes na minha Vida , autênticos Anjos enviados pela Mão Divina , que me acompanham em todos os meus dias …

Continuo Agradecendo apesar de todas as batalhas , provações e sofrimentos … desenvolvendo o processo da Aceitação, aceitando humildemente a realidade, para quem como eu num espaço de 22 meses perdeu o irmão , a minha Mãe e agora o meu Pai , o que me resta fazer senão Aceitar e seguir em frente … Amar e Proteger cada vez mais os Meus , estes Anjos que sem saberem que o são , me Acompanham nesta Caminhada , rumo a uma coisa qualquer , que só quero que seja com Saúde , com coisas Simples, e Verdadeiras …

O que me resta fazer senão Aprender com todas as Lições de Vida que me têm chegado de variadíssimas formas, continuar a alimentar-me com Saúde e Coragem , e partilhar com estes meus Anjos todos os comportamentos e ações Saudáveis e Salutares, para que em conjugação com os eventos aleatórios, possam ter uma Vida Plena e preenchida de coisas Profundas , Vibrantes e Boas …

O que me resta fazer senão continuar a Agradecer,
continuar a Refletir , continuar a Aprender , a Caminhar , dando os meus passos ciente de cada Momento presente ,
tentando viver em profundidade cada instante com eles partilhado ,

e simplesmente,


Seguir em frente …





Luis Sousa




13 comentários:

MARILENE disse...

Luis, lamento, profundamente, as suas perdas. Sua disposição de seguir é louvável, assim como a de agradecer os que o rodeiam, distribuindo-lhes amor. Não entendemos os desígnios divinos porque somos humanos e fracos, ainda que tenhamos fé. A dor há que ser vivida, para não se transformar em outras, maiores. Como já lhe disse, anteriormente, peço a Deus que o conforte, o console e alimente, a cada dia, suas forças. Abraço.

Ana Freire disse...

Luís, o meu queixo caiu!...
Não tinha nem a mais leve ideia, do tamanho da sua dor, no espaço destes 22 meses, que menciona...
Nem sei o que dizer...
Mas é isso mesmo! Seguir em frente... sem esquecer quem perdemos pelo caminho...
E realmente continuar a agradecer, por termos sido premiados, com a presença de alguns anjos, na nossa vida, ainda que por pouco tempo... e que entretanto terão partido... provavelmente porque estarão sendo necessários, em qualquer outro lugar...
Pelo menos, é assim que eu gosto de compreender, e aceitar, a minha quota parte de perdas... e também já foram algumas... entre familiares, e pessoas amigas... daquelas mesmo de verdade...
Mas enfim... é mesmo isso... seguir em frente... e continuar a tirar o melhor partido de cada minuto da viagem...
Abraço!
Ana

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Lamento imenso o sucedido meu amigo é preciso ter muita força e coragem para encarar os revezes desta vida dificil e que nos anda sempre a pregar partidas.
Mais uma vez muita força meu amigo e um abraço.

Graça Pires disse...

Só posso lamentar as suas perdas e desejar que tenha toda a coragem necessária para continuar o seu caminho.
Beijo.

GarçaReal disse...


Esta nossa caminhada terrena é repleta de acontecimentos diários, de mudanças tão grandes que seriam impensáveis noutros tempos passados. Viver cada dia, cada momento e acolher o que de bom nos toca.

Lamento as tuas perdas pois deixam sofrimento e marcas profundas.

Nada acontece por acaso como sabemos e tudo faz parte desta caminhada.Que a tua continue a ser pautada pelo equilíbrio que te é peculiar.

Bom resto de semana

Bjgrande do Lago

© Piedade Araújo Sol disse...

Luís

em 22 meses tantas perdas de pessoas tao chegadas e queridas é muito forte, e muita dor deve estar sentindo.

desejo que com fé e coragem consiga ultrapassar este momento com serenidade já que não é nada fácil, na minha opinião.

deixo um abraço bem apertado.

beijinho

:(

Vera Lúcia disse...


Tristes perdas, Luís, principalmente em um espaço tão curto de tempo. É preciso mesmo muita força e fé para superar um ciclo tão difícil. Ainda bem que você é uma pessoa iluminada,
que valoriza a vida e reconhece que precisa seguir em frente em nome daqueles que você ama e que necessitam de seu amparo, amor, força e equilíbrio.

Muita luz, força e fé.

Fique bem!

Abraço.

Isa Martins disse...

É só o que temos amigo, seguir em frente, porque a evolução continua ininterruptamente, sem concessṍes e como tenho aprendido...ou vai...ou vai...ou vai rs
Não é fácil perder os que ama, bem o sei, e nem é uma perda, é só uma separação temporária, pois todos iremos também, se ficamos é porque ainda temos o que terminar por aqui e ainda compartilhar com os que ficaram.
Um ótimo e abençoado fim de semana, abraços.

Ana Freire disse...

Passando por aqui, só para desejar um bom fim de semana...
E fazendo minhas, as palavras da Vera... Muita luz, força e fé!
Dias melhores virão!...
Bjs
Ana

CÉU disse...

Olá, estimado Luís!

Um texto sentido e muito lúcido. Os meus pêsames!
Embora julguemos que não possuímos mais reservas anímicas, elas aparecem no momento certo, sempre.
É a lei da vida, que todos vamos cumprindo, uns mais cedo, outros mais tarde, mas é assim. Creio, e como católica que sou, que um dia, a morte será vencida.
Continuar a viver, amando cada vez mais os que estão junto de nós, é uma receita milagrosa para o nosso bem estar e felicidade.

Um cordial abraço.

Ana Freire disse...

Passando só para dar uma força... e desejar uma boa semana, dentro do possível!
Bjs
Ana

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Luís, que dizer senão que és uma força da natureza, lindo e sábio, porque só os sábios conseguem integrar a dor?

I'll be here anyway...

Um abraço assim ____________________

ॐ Shirley ॐ disse...

A arca a que você se refere, não seria o Registro Akáshico, Luis?
Bela a sua crônica.
Beijos!
Paz profunda!